A Forma da Água” ganha Oscar de melhor filme em noite marcada por ativismo

2

Com quatro estatuetas, o longa levou os troféus de melhor filme e melhor direção, para Guillermo del Toro, além de direção de arte e trilha sonora. No geral, os prêmios se diluíram entre os indicados. Dunkirk foi lembrado em três categorias, seguido por Blade Runner 2049, Três Anúncios para um Crime e O Destino de uma Nação, cada um com duas vitórias.

O diretor Guillermo del Toro comemora após “A FORMA DA ÁGUA” vencer o Oscar de melhor filme. Foto: Veja

O Oscar para fantasia romântica de Guilhermo del Toro na 90ª edição do Oscar, e as outras premiações, foram ofuscadas por uma cerimônia em que temas como empoderamento feminino e ativismo racial tiveram destaque.

O diretor mexicano de “A Forma da Água”, também levou o prêmio de melhor diretor, frustrando as esperanças de uma rara vitória por parte de uma diretora mulher ou de um diretor negro.

O filme, sobre uma faxineira muda que se apaixona por uma estranha criatura aquática —uma fábula sobre os maus-tratos sofridos pelos oprimidos — havia chegado à cerimônia com 13 indicações e levou para casa um total de quatro prêmios.

“A Forma da Água” ganhou os prêmios apesar de um processo de plágio apresentado em Los Angeles no último mês alegando que a incomum história do filme havia sido roubada de uma peça norte-americana de 1969. Del Toro nega ter visto ou ouvido falar sobre a peça.

A produção independente de Greta Gerwig sobre um relacionamento de mãe e filha,“Lady Bird – A Hora de Voar”, voltou para casa de mãos vazias, enquanto a sátira racial da Universal Pictures CMCSA.O,“Corra!” ganhou apenas a estatueta de melhor roteiro original, apesar de especulações de que sua abordagem ousada sobre relações raciais modernas poderia conquistar o principal prêmio da noite.

“Eu parei de escrever esse filme umas 20 vezes porque achava que era impossível. Eu achava que não iria funcionar”, disse o diretor e roteirista de“Corra!”, Jordan Peele.

Como esperado, o britânico Gary Oldman ganhou seu primeiro Oscar por sua interpretação do líder da Segunda Guerra Mundial Winston Churchill em“O Destino de uma Nação”, filme da Warner Bros. TWX.N, enquanto Frances McDormand foi eleita melhor atriz por seu papel na comédia dramática“Três Anúncios para um Crime”, da Fox Searchlight.

Frances McDormand, de 60 anos, cuja personagem parecia encarnar a raiva do movimento #MeToo que tem dominado Hollywood, pediu que todas as mulheres indicadas — às categorias de diretor, fotografia, figurino entre outras — levantassem para ser reconhecidas.

“Olhem ao redor senhoras e senhores”, pediu.“Porque todas nós temos histórias para contar e projetos que precisam de financiamento”.

O apresentador do Oscar, Jimmy Kimmel, abordou o escândalo de assédio sexual em Hollywood com piadas afiadas, em uma noite que se tornou plataforma para ativistas em questões que vão desde violência com armas e o movimento Black Lives Matter, até sexismo e imigração.

Confira abaixo a lista completa com os vencedores do Oscar 2018:

Melhor Filme
A Forma da Água
Me Chame pelo Seu Nome
O Destino de Uma Nação
Dunkirk
Corra!
Lady Bird: É Hora de Voar
Trama Fantasma
The Post: A Guerra Secreta
Três Anúncios para Um Crime

Direção
Guillermo del Toro, A Forma da Água
Christopher Nolan, Dunkirk
Greta Gerwig, Lady Bird: É Hora de Voar
Paul Thomas Anderson, Trama Fantasma
Jordan Peele, Corra!

Melhor ator
Gary Oldman, O Destino de Uma Nação
Daniel Day-Lewis, Trama Fantasma
Daniel Kaluuya, Corra!
Denzel Washington, Roman J. Israel, Esq.
Timothée Chalamet, Me Chame pelo Seu Nome

Melhor Atriz
Frances McDormand, Três Anúncios para Um Crime
Margot Robbie, Eu, Tonya
Meryl Streep, The Post: A Guerra Secreta
Sally Hawkins, A Forma da Água
Saoirse Ronan, Lady Bird: É Hora de Voar

Melhor Ator Coadjuvante
Sam Rockwell, Três Anúncios para Um Crime
Christopher Plummer, Todo o Dinheiro do Mundo
Willem Dafoe, Projeto Flórida
Richard Jenkins, A Forma da Água
Woody Harrelson, Três Anúncios para Um Crime

Melhor Atriz Coadjuvante
Allison Janney, Eu, Tonya
Mary J. Blige, Mudbound: Lágrimas sobre o Mississippi
Octavia Spencer, A Forma da Água
Laurie Metcalf, Lady Bird: É Hora de Voar
Lesley Manville, Trama Fantasma

Roteiro Adaptado
Me Chame pelo Seu Nome
Artista do Desastre
Logan
A Grande Jogada
Mudbound: Lágrimas sobre o Mississippi

Roteiro Original
Corra!
Doentes de Amor
Lady Bird: É Hora de Voar
Três Anúncios para Um Crime
A Forma da Água

Filme em Língua Estrangeira
Uma Mulher Fantástica (Chile)
O Insulto (Líbano)
Loveless: Sem Amor (Russia)
Corpo e Alma (Hungria)
The Square: A Arte da Discórdia (Suécia)

Documentário
Ícaro
Abacus: Pequeno o Bastante Para Condenar
Visages Villages
Últimos Homens em Aleppo
Strong Island

Animação
Viva – A Vida É uma Festa
O Poderoso Chefinho
The Breadwinner
O Touro Ferdinando
Com Amor, Van Gogh

Efeitos Visuais
Blade Runner 2049
Guardiões da Galáxia Vol. 2
Kong: A Ilha da Caveira
Star Wars: Os Últimos Jedi
Planeta dos Macacos: A Guerra

Canção Original
Remember Me, de Viva – A Vida É uma Festa
Mighty River, Mudbound – Lágrimas sobre o Mississipi
Mystery of Love, de Me Chame pelo Seu Nome
This Is Me, de O Rei do Show
Stand Up for Something, de Marshall

Trilha Sonora Original
A Forma da Água
Três Anúncios para Um Crime
Dunkirk
Trama Fantasma
Star Wars: Os Últimos Jedi

Fotografia
Blade Runner 2049
O Destino de Uma Nação
Dunkirk
Mudbound: Lágrimas sobre o Mississippi
A Forma da Água

Edição
Dunkirk
Em Ritmo de Fuga
Eu, Tonya
A Forma da Água
Três Anúncios para Um Crime

Maquiagem e Cabelo
O Destino de Uma Nação
Extraordinário
Victoria e Abdul: O Confidente da Rainha

Figurino
Trama Fantasma
A Bela e a Fera
O Destino de Uma Nação
A Forma da Água
Victoria e Abdul: O Confidente da Rainha

Edição de Som
Dunkirk
Em Ritmo de Fuga
Blade Runner 2049
A Forma da Água
Star Wars: Os Últimos Jedi

Mixagem de Som
Dunkirk
Em Ritmo de Fuga
Blade Runner 2049
A Forma da Água
Star Wars: Os Últimos Jedi

Direção de arte
A Forma da Água
A Bela e a Fera
Blade Runner 2049
O Destino de Uma Nação
Dunkirk

Curta de animação
Dear Basketball
Garden Party
Lou
Negative Space
Revolting Rhymes

Documentário em curta-metragem
Heaven Is a Traffic Jam on the 405
Heroin(e)
Edith+Eddie
Knife Skills
Traffic Stop

Curta-metragem
The Silent Child
DeKalb Elementary
The Eleven O’Clock
My Nephew Emmett
Watu Wote/All of Us