Cúpula do MDB se reúne na casa de Puccinelli para ‘afinar o discurso’

0

Já em pré-campanha pelo interior do Estado, o MDB, que tem realizados Caravana em algumas regiões, quer ‘afinar o discurso’, com a intenção de reconduzir André Puccinelli ao cargo de governador de Mato Grosso do Sul.

O deputado estadual Paulo Siufi (MDB), revelou durante a sessão desta terça-feira (13) na Assembleia Legislativa, que a cúpula do partido se reuniu no apartamento do ex-governador na última sexta-feira (9) para discutir o processo eleitoral.

De acordo com Siufi, ‘pontos esclarecedores’ foram debatidos por todos os deputados estaduais, senadores e dirigentes do MDB.

Um dos principais apoiadores da candidatura de André, Siufi prometeu diminuir o tom das críticas ao atual governo, de Reinaldo Azambuja (PSDB), mas prometeu rebater eventuais acusações à gestão Puccinelli.

Siufi citou o recente episódio da ponte de concreto que teve parte da estrutura desmoronada em Jardim, e que foi alvo de críticas do próprio Reinaldo, que acusou seu antecessor de ‘jogar dinheiro pelo rio’.

“Se houver essa conversação sem provas eu acho que temos que entrar na Justiça”, disparou Paulo Siufi.

Takimoto e Paulo Duarte estão de malas prontas para trocar o PDT pelo MDB

Um deputado estadual, George Takimoto, e um ex-deputado estadual e ex-prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, estão de saída do PDT rumo ao MDB, é o que revelou nesta terça-feira (13), o presidente do partido em Dourados, deputado Renato Câmara.

O parlamentar afirmou, durante a sessão de hoje na Assembleia Legislativa, que o MDB vai organizar um grande ato de filiação em Dourados, no próximo dia 24 de março, para receber Takimoto e Duarte.

Câmara anunciou que o colega de Casa já confirmou sua mudança de sigla, uma vez que responde processo de expulsão do PDT, em decorrência de seu voto favorável à reforma da previdência estadual, contrariando decisão da legenda.

Já Paulo Duarte, que se elegeu deputado estadual pela primeira vez pelo PT, e que perdeu a última eleição para Prefeitura de Corumbá já pelo PDT, estaria com ‘conversação avançada’.

Além dos dois novos correligionários, Renato Câmara também citou os ex-deputados estaduais Antônio Carlos Arroyo e Antônio Braga, que se filiaram recentemente ao MDB, e que devem reforçar a legenda na disputa da eleição de outubro.