Sem combustível, piloto termina corrida empurrando a moto

0

O GP de San Marino da MotoGP, disputado neste domingo no circuito de Misano, terminou de forma inusitada. O espanhol Marc Márquez venceu a corrida e assumiu a liderança do campeonato, mas quem roubou a cena foi o piloto Johann Zarco. O francês cruzou a linha de chegada empurrando sua moto, ao ficar sem combustível. E seu esforço não foi em vão, já que ele terminou a prova em 15º lugar e somou um ponto na classificação da temporada.

Zarco sofreu o problema com sua Yamaha nos últimos metros da corrida, quando ocupava a oitava posição. Como ainda estava longe da bandeira quadriculada, foi ultrapassado por sete adversários. Apesar disso, ele seguiu em frente e mostrou força de vontade. Ao concluir a prova, exausto, foi ajudado por fiscais de pista.

“Eu fiquei sem combustível na curva 11 (de 16 no total). Fiz o meu melhor para preservar o que sobrou até a última curva, mas aí a moto parou e eu tive que empurrá-la na reta principal, que era muito longa. Outros pilotos me ultrapassaram, o que foi uma pena. Mas queria chegar até o fim pois esta é a mentalidade das corridas. Terminei em 15º, o que me deu um ponto no campeonato. Melhor isso do que nada”, falou Zarco.

O espanhol Marc Márquez, da Honda, venceu a prova e tornou-se líder do campeonato, com 199 pontos – ele está empatado com o italiano Andrea Dovizioso, terceiro em Misano, mas tem vantagem nos critérios de desempate. Johann Zarco está em sexto lugar, com 110.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA