Chapa do MDB ao Senado terá candidato único por decisão de Puccinelli

0

A chapa do MDB ao Senado nas eleições deste ano será composta apenas por Waldemir Moka. A decisão foi do presidente regional do partido, o pré-candidato ao governo André Puccinelli, que fez o anúncio durante discurso no evento que encerrou a comitiva do projeto “MS Maior e Melhor”, neste sábado (19), em Campo Grande.

“Na chapa majoritária não vai ter um outro senador”, disse Moka ao Jornal Midiamax, ao comentar a decisão do comandante da sigla. “Porque ele [Puccinelli] acha que tem mais liberdade. Porque tem gente é Nelsinho [Trad] e pode ser Moka e André. A mesma coisa com o Zeca [do PT], e com o Pedro Chaves”.

Sobre essa definição, o senador sul-mato-grossense acredita que deve beneficiar o pré-candidato emedebista ao Governo do Estado, pois os eleitores gostariam de ter “essa liberdade”. Questionado se concorda com essa estratégia, sinalizou discordar, mas preferiu não entrar em detalhes.

Eu tenho minhas preferências, mas também não vou ser hipócrita. Essa estratégia me beneficia eleitoralmente”, conclui o pré-candidato à reeleição ao Senado.

André Puccinelli, por sua vez, não descarta mudança até o registro das candidaturas em agosto. “Nada na vida é definitivo”, disparou sem dar mais explicações.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA