Defesa de puccinelli volta de SP a MS sem definição sobre soltura, mas diz que ‘luta continua’

0

O advogado André Luis Borges Neto se prepara para retornar a Campo Grande na noite desta segunda-feira (23), após ter passado o dia em São Paulo pedindo habeas corpus em favor de André Puccinelli, Puccinelli Jr e João Paulo Calves, presos na sexta-feira (20). Até às 19h (DF), horário de fechamento do TRF 3, ainda não havia nenhuma decisão sobre o pedido de liberdade dos presos.

André Borges representa o advogado João Paulo Calves enquanto Siufi defende André Puccinelli e o filho, André Puccinelli Jr. No entanto, para essa tomada de providências na capital paulista, somaram forças.

O recurso impetrado pelos advogados Renê Siufi e André Borges já havia sido distribuído para a turma do desembargador do TRF 3, Paulo Fontes. No entanto, o caso será analisado pelo magistrado Maurício Kato, já que Fontes está em férias.

”A luta continuará até que o cliente recupere a liberdade, retirada de maneira exageradíssima”, assinalou Neto ao TopMídiaNews, no fim da tarde desta segunda-feira (23).

No pedido de liberdade, as defesas destacam que a prisão tem causado constrangimento ilegal aos investigados. Além disso, destacam que a prisão preventiva constitui medida excepcional, não aplicável a seus clientes.

Sem manifestação do tribunal em SP, Puccinelli vai passar a quarta noite seguida na cadeia, algo que não havia ocorrido até agora.

André Borges foi a SP pedir soltura de ‘Puccinellis’ e de advogado. (Foto: Arquivo TopMidiaNews)

O caso

André está preso desde sexta-feira (20) no Centro de Triagem no Complexo Penitenciário na Capital. A defesa alega que a prisão foi ilegal, porém o Ministério Público Federal aponta que mesmo após as investigações da Lama Asfáltica serem deflagradas, o grupo teria continuado a cometer atos criminosos.

Como forma de “estratégia”, a defesa apresentou o HC somente na manhã desta segunda-feira (23) para que o pedido não fosse apreciado por nenhum desembargador de plantão. Enquanto isso, a expectativa é que o ex-governador e pré-candidato ao governo seja solto ainda nesta tarde.