Fragilizado, André quer atrair Odilon e Reinaldo em sua chapa majoritária

0

Em entrevista ontem à rádio CBN 93,7 FM, o ex-governador André Puccinelli (MDB) sugeriu a composição de uma chapa majoritária encabeçada por ele que tenha no mesmo palanque o juiz aposentado Odilon de Oliveira (PDT) e o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) disputando a vice e o Senado, respectivamente.

“Chapa boa seria André governador, Odilon vice e Reinaldo senador”, disse ele em referência aos dois de seus principais adversários.

Sem mandato desde o dia 31 de dezembro de 2014, André tinha como pretensão cuidar dos netos e ser o fundador de uma entidade habitacional voltada para crianças no exterior do Brasil.

Ele chegou a montar escritório com esse objetivo e com o propósito de escrever três livros. Seriam eles: o primeiro contando sua trajetória como médico (1974 – 1986), o segundo como parlamentar e o terceiro como chefe do Executivo municipal e estadual.

André, que enfrenta desgaste político por conta de suposto desvio milionário de dinheiro público, afirmou em entrevista que era constantemente procurado para tratar de assuntos partidários e de cenários voltados para a política.

As denúncias estão sendo investigadas pela Polícia Federal como parte da operação Lama Asfáltica.

“Montei escritório com a finalidade de escrever livros e de montar uma fundação de apoio à área habitacional para crianças no exterior do Brasil. No entanto, as pessoas começaram a levar questões políticas”, disse ele. Já na eleição de 2015, André contou que foi bastante assediado para concorrer ao Senado. Com informações do Correio do Estado.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA